Pensando o suicídio:

Por que este assunto é tão velado?

Como fica estas famílias que não tem ondem buscar apoio?

Por que as autoridades e profissionais se silenciam?

Deem sua contribuição entre em contato  deixe suas opiniões.

Prof. Sérgio Costa.

Curiosas são certas composições existentes no humano, tal como a questão do suicídio e a do grupo social. Em tese, mesmo não se negando a singularidade desse ato, analisar esses fatores isoladamente seria tão inverossímil como defender que o ar que respiramos continuaria a ser o ar se separássemos o oxigênio da composição que alimenta nossos pulmões.

 Dessa forma, pensando o suicídio como um acontecimento complexo que ocorre principalmente entre a vida pessoal e a coletiva, este testo pretende discutir a autodestruição por um processo psicossocial, que se denota pela análise de patamares básicos que o subscrevem. Tais patamares básicos, em síntese, são: o patamar do território do dito individual, o patamar do território das inter-relações, o patamar do território das instituições, o do território da comunidade, o do território do contexto macrossocial ou da história.

Por um contínuo existencial com diferentes graus (primeiros graus de suicídio – desvelando-se por fantasias inconscientes; graus intermediários – caracterizando-se por tentativas de suicídio; graus extremos – destacando-se pelo suicídio fatal), ainda o debate pela perspectiva de Freud e Jung. Mas busca-se, sobretudo, relacionar o suicídio ao processo psicossocial, estudado aqui pelo vínculo. Esse, basicamente apreendido como um padrão vincular, inicia-se na família (socialização primária). Assim, diante da hipótese de se ter vivido sob padrão vincular com pendor à desestrutura (relacionada à dificuldade de cada membro se diferenciar), esse padrão tende a se repetir pela socialização secundária: grupo conjugal, de trabalho, de educação, de religião, etc. Enfim, sem o apoio devido, em alguns casos essa dificuldade leva às tentativas e aos suicídios fatais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: